A Carrefor SA, número dois mundial em comércio a retalho, anunciou esta quinta-feira uma queda de 45 por cento nos seus lucros brutos em 2008, de 2,30 para 1,27 mil milhões de euros.

As vendas subiram 5,9 por cento - ou 6,4 por cento a taxas de câmbio constantes - para 86,97 mil milhões de euros e o lucro operacional cresceu 0,3 por cento, para 3,3 mil milhões de euros.

Os resultados estão em linha com a previsão revista de Dezembro que apontava para um crescimento de vendas de 6,5 por cento a taxas de câmbio constantes e para um ligeiro lucro operacional.

Quanto ao futuro, o responsável financeiro Eric Reiss afirmou esperar que «a situação permaneça difícil em 2009».

A Carrefour desenvolve 40 por cento da sua actividade em França, onde opera um total de 5.517 estabelecimentos, de hipermercados a lojas de conveniência.

Em Portugal, a Carrefour vendeu ao grupo Sonae a sua cadeia de grandes supermercados em Julho de 2007.