O Presidente russo, Vladimir Putin, defendeu esta sexta-feira o papel da ONU como “pedra angular” das relações internacionais, na sua primeira reunião com o novo secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres.

Nós continuamos a pensar que a ONU é a única plataforma internacional e universal com prerrogativas exclusivas, em cuja base se encontra a Carta das Nações Unidas”, afirmou.

Putin recebeu Guterres no âmbito do Fórum Económico Internacional de São Petersburgo, um dia depois de este se ter reunido com o ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Serguei Lavrov.

Ao mesmo tempo que classificava a ONU como “pedra angular do atual direito internacional público”, instou Guterres a abordar os problemas mundiais que ele considerar mais importantes.

Seguramente, trata-se dos problemas nos pontos mais quentes do planeta”, precisou.

Putin considerou uma boa tradição que o secretário-geral da ONU participe no fórum que todos os anos se realiza na antiga capital czarista, recordando igualmente que a Rússia sempre foi a favor de cooperar com as Nações Unidas.

O Kremlin negou-se a confirmar se Putin discutirá com Guterres a possível nomeação do embaixador russo nos Estados Unidos, Serguei Kisliak, como representante russo no Conselho de Segurança da organização.