França registou 7.017 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas e a taxa de positividade nos testes é agora de 4,3%, segundo as autoridades francesas.

No total, desde o início da pandemia, já foram identificados 293.024, um número que tem aumentado nas últimas três semanas. A taxa de positividade é agora de 4,3%.

Nas últimas 24 horas houve 26 mortos por covid-19 em meio hospitalar, sendo o total de óbitos desde o início da pandemia de 30.686.

Os focos de contaminação no país continuam também a aumentar, com 39 novos identificados desde quarta-feira, havendo agora 384 focos de contaminação a serem investigados em todo o território francês. Estes focos de contaminação não incluem os lares de idosos.

Esta quarta-feira, um coletivo de cidadãos pediu junto dos tribunais de varias cidades como Nice, Paris ou Lyon que a utilização obrigatória de máscara no exterior termine já que consideram não estar provado que há qualquer efeito preventivo face a covid-19. O coletivo chama-se Vítimas Coronavirus França e os seus membros já foram afetados pela doença.

Espanha contabilizou 8.581 novos casos de covid-19 dos quais 3.663 diagnosticados nas últimas 24 horas, o que eleva para 479.554 o número de infetados desde o início da pandemia, segundo números divulgados pelo Ministério da Saúde espanhol.

O país tem mais 42 mortes com a doença notificadas nas últimas 24 horas, aumentando o total de óbitos para 29.194.

Madrid continua a ser a comunidade autónoma com o maior número de novas infeções, 2.401 nos números contabilizados hoje, mais de um quarto do total nacional, das quais 1.362 diagnosticadas nas últimas 24 horas.

Deram entrada nos hospitais com a doença desde terça-feira, 1.007 pessoas, dos quais 285 em Madrid, 126 na Andaluzia e 125 na Catalunha.

A pandemia do coronavírus que provoca a covid-19 já provocou pelo menos 857.824 mortos e infetou mais de 25,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

. / AG