Com 110 anos, o brasileiro Davino Cordeiro Leodoro, foi uma das pessoas mais velhas do mundo a estar infetada com o novo coronavírus. Agora, passado quase um ano de ter superado a doença, Davino, residente em Campos dos Goytacazes, no interior do Rio de Janeiro, já recebeu a primeira dose da vacina contra a covid-19. 

Pai de sete filhos, avô de 11 netos e 18 bisnetos, o idoso será vacinado com a segunda dose daqui a 21 dias.

Estava apreensivo em tomar a vacina. Agora quero voltar aqui daqui a alguns dias e poder tomar a segunda dose. Também quero comer ainda mais, porque fiquei um bocadinho fraco quando tive a doença. Mas agora preciso ficar forte para arranjar até uma namorada”, brincou, após ser imunizado na Unidade Básica de Saúde Patronato São José. 

Com mais de 100 anos, esta não foi a primeira pandemia pela qual Davino passou durante a vida.

Foram muitas mortes, muito triste isto tudo. A que me recordo bem foi a gripe espanhola", contou.

Lara Ferin