Um atirador feriu esta quarta-feira a tiro várias pessoas numa escola secundária do Estado norte-americano no Texas, anunciaram a polícia e meios de comunicação locais.

Estamos no local de um tiroteio na Timberview High School", disse a polícia local em Arlington na rede social Twitter, segundo a agência de notícias France-Presse.

Pelo menos quatro vítimas, de acordo com o mayor de Arlington. Três estão hospitalizados, um quarto, que sofreu apenas ferimentos ligeiros, recusou o tratamento.

Em conferência de imprensa, as autoridades esclarecerem que uma das vítimas já foi submetida a cirurgia, estando a "recuperar favoravelmente". Quanto às outras duas vítimas, a polícia diz que estão "numa boa posição" para poder sair do hospital.

As autoridades acreditam que o suspeito é um estudante de 18 anos, que se envolveu num confronto físico com um colega. O jovem já acabou por ser detido e foi ouvido pelos detetives que estão a conduzir as investigações do caso.

As autoridades escolares distritais disseram, em comunicado, que a polícia estava a responder a uma “situação de atiradores ativos” na escola, que foi encerrada.

Uma porta-voz do Departamento de Polícia de Arlington disse que os agentes responderam a um tiroteio na escola, mas que não podia confirmar se havia feridos.

O Departamento de Polícia disse no Twitter que os agentes estavam a fazer uma "busca metódica" e que estavam a trabalhar em estreita colaboração com outras forças de segurança.

A autoridade escolar local disse que os estudantes e o pessoal da escola estavam trancados nas salas de aula ou nos gabinetes, segundo a agência de notícias Associated Press.

A escola faz parte da área metropolitana de Dallas-Fort Worth.

Agência Lusa / JGR