Dois excursionistas morreram na Guatemala, tudo indica que por hipotermia, quatro estão desaparecidos e outros três foram resgatados com vida perto do vulcão Acatenango, que estavam a escalar.

A Coordenação Nacional para a Redução de Desastres (Conred) indicou que os trabalhos de buscas tinham permitido localizar com vida dois jovens, de 22 e 18 anos, e uma mulher de 55 anos.

Outros dois jovens, de 21 e 23 anos, foram encontrados mortos e a hipótese preliminar é de que morreram por hipotermia.