Quatro turistas norte-americanos e dois pilotos sobreviveram uma aterragem de emergência em San José, na Costa Rica.

Paramédicos e bombeiros foram enviados para o aeroporto, mas tanto os passageiros como os pilotos conseguiram sair do avião sem grandes ferimentos.

De acordo com um dos pilotos, em declarações à imprensa internacional, o pequeno avião sofreu problemas mecânicos no trem de aterragem durante o voo entre Puntarenas, na Costa Rica, com destino ao principal aeroporto da Costa Rica (Juan Santamaría International Airport), em Alajuela, - para que os passageiros apanhassem um voo de ligação com Houston -, e foram obrigados a aterrar de emergência no aeroporto internacional em San Jose.

Apesar de ter aterrado sem trem de aterragem, nenhum dos passageiros sofreu ferimentos.