Naftali Bennett é o novo primeiro-ministro de Israel, pondo fim a 12 anos de governação de Benjamin Netanyahu.

O parlamento israelita, o Knesset, aprovou, neste domingo, por um voto de vantagem, o governo de coligação, que será liderado por Bennett.

Dos 119 deputados presentes (de um parlamento de 120), 60 votaram a favor.

O ultranacionalista, líder do Yamina, antigo aliado de Netanyahu, vai assumir um governo composto por oito partidos com diferentes ideais, incluindo um partido árabe, mas unidos na determinação de derrubar o até então chefe de Estado.

O número dois deste governo de coligação é o líder centrista Yair Lapid.

Netanyahu mantém-se como líder do Likud, desta feita na oposição ao governo.

Nos últimos dois anos foram realizadas quatro eleições em Israel.

Veja também:

 

 

Catarina Machado