O marido de Megan Starich sofreu uma queda quase fatal e foi atirado para uma cama de hospital. Caiu de quase cinco metros, aterrou de cabeça e sofreu fraturas várias e um traumatismo craniano com hemorragia interna, entre outros ferimentos.

Com duas crianças pequenas, uma delas em cadeira de rodas, Megan ficou sem meios para pagar as contas correntes e ainda as despesas médicas do marido.

 

Foi então que esta mulher de Altamonte Springs, na Florida, Estados Unidos, resolveu colocar à venda o bem mais valioso que tinha – o anel de noivado.

Ela tinha grande apreço pelo anel de noivado, mas estava disposta a sacrificá-lo”, conta o tenente Rob Pelton, do departamento da polícia local, citado pelo Huffington Post.

Mas a mulher acabou enganada e o anel foi-lhe furtado, durante a transação. A mulher colocou o anel à venda no Letgo (uma loja online) e, quando lhe apareceu um comprador, ela concordou em encontrar-se com ele e entregar-lhe o anel a troco de 5 000 dólares (pouco mais de 4600 euros). Mas, em vez de lhe dar o dinheiro, ele pegou o anel e fugiu.

Numa mensagem do Facebook, a mulher contou a história e descreveu o homem que lhe roubou o anel. “Ele não podia ter-se aproveitado de alguém como eu. Eu não quero acreditar que alguém possa descer tão baixo”, lamentou Megan, em declarações ao canal WFTV.

A história ainda não acabou: o marido de Megan continua internado e o seu estado de saúde ainda inspira cuidados. Contudo, já há um meio final feliz. Foi aberta uma página na GoFundMe para ajudar a família. E já foram angariados mais de 14 mil dólares (13 mil euros).

De acordo com uma jornalista da WFTV, a polícia já conseguiu também recuperar o anel da mulher e prender o suspeito de a ter enganado.

Manuela Micael