Pelo menos três pessoas ficaram esmagadas, este sábado, nos arredores do aeroporto de Cabul, no Afeganistão, numa altura em que o número de pessoas que tenta fugir do país não para de aumentar.

De acordo com a Sky News, pelo menos três corpos foram retirados em sacos brancos das instalações do aeroporto. Este está a ser considerado o pior dia deste que começou a evacuação.

Jornalistas britânicos relatam um cenário em que as pessoas vão-se empurrando umas às outras e quem está na frente vai ficando esmagado.

As autoridades americanas já lançaram um alerta para que os cidadãos evitem deslocar-se até ao aeroporto de Cabul, devido a “potenciais perigos para a segurança” criados pelo número cada vez maior de pessoas que tenta fugir do país.

Esta informação surge numa altura em que cerca de 12 mil estrangeiros e afegãos que colaboraram com as forças internacionais conseguiram fugir do Afeganistão desde que os talibãs entraram em Cabul, no passado domingo, disse uma fonte da NATO.

Só quem tem passaporte ou visto para viajar pode chegar ao local.

Até ao momento, pelo menos 12 pessoas morreram nas imediações do aeroporto, desde domingo.

Redação / JGR