A forte tempestade Henri, que deverá atingir o nordeste do estado norte-americano de Nova Iorque ao final do dia de este sábado, elevou-se para a categoria de furacão, anunciaram as autoridades, recomendando aos cidadãos que se preparem.

Não queremos ninguém nas ruas no domingo presas no tráfego nas pontes do Cabo Cod quando a tempestade estiver na sua força máxima", alertou o governador do Massachusetts, Charlie Baker, recomendando aos veraneantes da zona costeira entre Nova Iorque e Boston que adiem a ida ou antecipem o regresso.

Em causa está a tempestade Henri, que foi este sábado elevada para a categoria de furacão, e que deverá chegar ao final do dia ou domingo de manhã aos conhecidos destinos turísticos na zona costeira do norte do estado de Nova Iorque.

Com uma velocidade máxima de 120 quilómetros por hora no sábado de manhã, a velocidade do agora furacão Henri acelerou, estando ainda a cerca de 750 quilómetros a sul de Montauk, uma cidade turística no norte da Península de Long Island.

O Cabo Cod, que está lotado de milhares de turistas para as férias de verão, é uma das principais preocupações das autoridades, que emitiram alertas também para os condados vizinhos de Hartford, Connecticut e Albany, numa zona costeira que pode sofrer inundações repentinas.

Desde a 'supertempestade' Sandy, em 2021, que Nova Iorque não recebe o impacto direto de um furacão, lembra a agência de notícias AP, que dá conta de que muitas reparações foram feitas desde então, mas outros projetos destinados a prevenir os estragos dos furacões não foram completados.

/ JGR