Uma bomba explodiu, esta segunda-feira, num hospital de Banguecoque, na Tailândia. Segundo a Reuters, a explosão, que aconteceu no dia em que se celebra o terceiro aniversário do golpe militar de 2014, fez pelo menos 24 feridos.

"Foi uma bomba. Encontrámos peças que foram usadas para fazer a bomba. Agora, as autoridades estão a verificar as imagens de videovigilância", revelou o comandante da equipa de inativação de explosivos, Kamthorn Aucharoen.

A bomba encontrava-se escondida num contentor perto da entrada para a farmácia.

De acordo com o porta-voz do governo, Sansern Kaewkamnerd, a maioria dos feridos foram atingidos por estilhaços de vidro. 

O ataque ao hospital Phramongkutklao, onde são tratados militares reformados, ainda não foi reivindicado.