A União Europeia acaba de chegar a acordo com a Pfizer/BioNTech para a compra de mais 1,8 mil milhões de vacinas contra a covid-19, avança a agência Reuters.

Trata-se do terceiro acordo que Bruxelas alcança com a farmacêutica. Nos dois anteriores, ficou contratualizado que seriam entregues aos 27 Estados-membros 600 milhões de doses. 

Até ao momento, não foram revelados pormenores sobre os prazos de entrega, mas sabe-se que o objetivo é assegurar vacinas suficientes até 2023. 

A presidente da Comissão Europeia, Ursula Von der Leyen, já reagiu no Twitter: "estou confiante de que teremos doses suficientes para vacinar 70% da população adulta europeia em julho"

Cláudia Évora