O ministério da educação do Afeganistão, controlado pelos talibãs, anunciou, nesta sexta-feira, que os alunos do sexo masculino do sexto ao 12.º anos e os professores do sexo masculino devem retomar as aulas a partir de sábado.

A declaração, publicada hoje na página do ministério na rede social Facebook, não inclui as meninas dessa idade, o que reforça a ideia de que os talibãs deverão impor restrições a meninas e mulheres.

Até agora, os talibãs permitiam que as meninas do primeiro ao sexto ano frequentassem as aulas.

No passado, o movimento talibã chegou mesmo a proibir meninas e mulheres de frequentar a escola e de trabalhar.

Em algumas províncias, as mulheres ainda não têm permissão para continuar o seu trabalho, com exceção das mulheres que trabalham em departamentos de saúde, hospitais e educação.

Veja também:

Agência Lusa / CM