O sheik Hamad Bin Hamdan Al Nahya mandou escrever o nome dele no deserto de uma ilha sua nos Emirados Árabes Unidos. As letras são de tal forma grandes que o H, o primeiro A e parte do M transformaram-se em canais para o mar. O nome tem mil metros de altura e 3 mil metros de comprimento e pode ser lido no espaço. Fica ainda bem visível para quem pesquisa a ilha Al Futaisi no Google Maps.

De acordo com o jornal britânico «The Sun», o nome gigantesco foi comissionado pelo xeque Hamad Bin Hamdan Al Nahyan, que mandou os seus empregados escreverem o enorme «HAMAD» na areia.

Hamad, de 63 anos, é membro da família real de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. É o segundo homem mais rico da região. Tem uma frota com mais de 200 carros, onde se incluem sete Mercedes 500 SELs pintados nas várias cores do arco-iris.
Redação / PB