A sucessora de Angela Merkel na liderança dos democrata-cristãos na Alemanha, Annegret Kramp-Karrenbauer, anunciou, esta segunda-feira, que vai abandonar o cargo e não será candidata a chanceler nas próximas legislativas, disse à Agência France Presse (AFP) uma fonte partidária.

Kramp-Karrenbauer disse numa reunião da liderança do Partido Democrata Cristão (CDU) que "não pretende ser candidata à chancelaria alemã", acrescentou a fonte, em plena crise política nacional por causa de uma aliança regional com a extrema-direita.

/ RL