Um triplo homicídio agitou esta terça-feira a vida dos oito mil habitantes da cidade de Beeskow, nos arredores de Berlim. Um homem de 24 anos, com prováveis antecedentes de toxicodependência terá assassinado a sua avó de 79 anos, que vivia em Müllrose.

A senhora foi encontrada com golpes no pescoço.

Com vários antecedentes criminais, como assaltos, roubos, agressões físicas, ameaças e condução sem carta, o homem foi considerado o principal suspeito do homicídio.

Os primeiros indícios indicam claramente ter havido resistência", disse um porta-voz da polícia alemã, citado pelo jornal Die Welt.

Fuga e atropelamento

Procurado, o homem fugiu com o carro da avó. Estradas foram bloqueadas, helicópteros patrulharam os céus, mas antes de ser capturado, o indivíduo provocou ainda três acidentes roroviários.

A situação mais grave ocorreu em Beeskow, onde atropelou mortalmente dois polícias.

Seria depois capturado, num estado que indicava estar drogado.

De acordo com a polícia, o indivíduo ainda não está em condições de falar.