O Canadá está em choque por causa de um dramático caso de cyberbullying que acabou em suicídio.

Uma jovem de 15 anos acabou por não resistir a três anos de angústia, que começaram quando perdeu o controlo sobre uma fotografia íntima tirada num momento irrefletido, quando tinha apenas 12 anos.

Há um mês, Amanda Todd publicou um silencioso e dramático vídeo no YouTube onde contava, apenas por palavras escritas, a sua história e o seu desespero.