Os trabalhos da cimeira do clima da ONU deveriam ter terminado nesta sexta-feira mas vão prolongar-se até sábado, anunciou a presidência da COP26.

Numa mensagem do presidente da cimeira, Alok Sharma, lê-se que "não haverá nova reunião plenária esta noite para não atrasar as consultas ainda a decorrer" em Glasgow.

Sharma tinha interrompido os trabalhos por volta das 16:30, afirmando esperar uma nova versão do documento ainda esta noite, seguida de plenário para discutir e deliberar sobre o texto.

Alok Sharma acrescenta na mensagem que das consultas entre delegações deverão surgir "textos revistos" cerca das 08:00 da manhã de sábado e que reunirá novamente um plenário de avaliação do progresso das negociações, "nunca antes das 10:00".

Espero que aconteçam reuniões plenárias formais à tarde para adotar decisões e fechar a sessão no sábado", indica Sharma.

O presidente da COP salienta que "o espírito da cooperação continua a fluir esta noite", numa mensagem divulgada cerca das 21:00, três horas depois do prazo marcado inicialmente para a conclusão dos trabalhos.

Ao cabo de duas semanas de discussão, continuam por resolver entre as partes signatárias do Acordo de Paris questões relativas ao cumprimento daquele compromisso, destinado a evitar que o aquecimento global exceda até ao fim do século 1,5 graus acima da temperatura média mundial da era pré-industrial.

Mercado de emissões, financiamento climático, mecanismo de compensação por perdas e danos e abandono de combustíveis fósseis são ainda questões que dividem as delegações de quase 200 países signatários do Acordo de Paris para combate às alterações climáticas.

LEIA TAMBÉM:

/ PF - notícia atualizada às 22:00