“A Alemanha está preparado para abrir o capítulo 17 [dedicado à política económica e monetária], e preparar os 23 e 24 [relativos às liberdades fundamentais e justiça]. Podemos discutir os detalhes”.