As autoridades chilenas lamentam este sábado terem espalhado o pânico com um alerta de tsunami falso pedindo que as pessoas saíssem das áreas costeiras após um terremoto, nota a CNN.

Um sismo de magnitude 7,1 na escala de Richter atingiu no sábado a Antártida e as autoridades chilenas emitiram um alerta de emergência, pedindo às pessoas para abandonar zonas de praia.

A Oficina Nacional de Emergência, um órgão da alçada do Ministério da Administração Interna do Chile, explicou que o sismo se deu a 216 quilómetros a noroeste da base O´Higgins, a maior que o Chile tem no continente gelado.

Redação