Um dos heróis do ataque na Ponte de Londres, na passada sexta-feira, contou como é que as testemunhas conseguiram tirar as facas ao atacante e deitá-lo ao chão.

Thomas Gray, guia turístico, avançou à ITN que fazia parte do grupo de sete homens que deteve Usman Khan, o atacante da ponte de Londres, antes que a polícia chegasse ao local. As testemunhas usaram um extintor para neutralizar o atacante.

Os seis ou sete homens que lá chegaram antes de mim... Tiro-lhes o chapéu. Foram incrívelmente corajosos, perseguiram-no pela rua abaixo com um extintor e foi isso que chamou a nossa atenção, vimos este indivíduo a ser pulverizado com espuma e foi por isso que nós decidimos intervir no incidente".

Thomas conta ainda que, quando chegou ao local, o atacante estava com duas facas, uma delas presa ao pulso, e as duas mulheres já tinham sido esfaqueadas:

Quando lá cheguei estava a tentar perceber o que é que se passava e perguntei a alguns tipos: o que é que está a acontecer? E eles disseram: bom, este tipo acabou de esfaquear duas mulheres. Então, naquele momento, estava praticamente tudo bloqueado, apenas tentei tirar-lhe as facas e tentei impedi-lo de causar mais danos a qualquer outra pessoa. Então, tudo que eu pude fazer, depois dos tipos o segurarem - aqui já o tinham derrubado - foi agarrá-lo pelo pulso com toda a força e tentar tirar-lhe a faca e aí alguém pontapeou a faca para longe".

O guia turístico avançou que foi nesse momento que as testemunhas foram informadas de que o atacante estaria a usar um colete de explosivos, adiantando que "nesse momento, sim, vi o atacante ser alvejado várias vezes".