Durante várias horas decorreu uma operação policial, de larga escala, no bairro de Neudorf, em Estrasburgo. A operação já terminou. Esta quinta-fera, soube-se também que mais uma pessoa foi detida. Não será da família, mas é alguém próximo do suspeito, segundo as autoridades.

Recorde-se que foi neste bairro que as autoridades perderam o rasto ao autor do atentado terrorista da passada terça-feira, num mercado de Natal e que vitimou mortalmente três pessoas. Terá sido no bairro de Neudorf, que o suspeito foi visto a deixar um táxi, de acordo com informações avançadas pelo procurador de Paris. 

Foi precisamente no bairro de Neudorf que Chérif Chekatt foi visto pela última vez na passada terça-feira, após o ataque. Vários carros de polícia estiveram a bloquear o trânsito nas estradas da zona. Polícias, fortemente armados, protegidos por escudos, avançaram em grupo e entraram em diversas casas. Mais de 700 homens estiveram no terreno, segundo os órgãos de comunicação social franceses.

Várias imagens da operação desta quinta-feira foram divulgadas nas redes sociais.

Recorde-se que além das três vítimas mortais, há ainda registo de 12 feridos do atentado, alguns em estado grave.

Quarta-feira foram detidos pelas autoridades o pai, a mãe e os dois irmãos de Chérif Chekatt. Mas esta quinta-feira, segundo o Le Figaro, a polícia também efetuou buscas na casa de uma irmã do suspeito, em Paris.

/ PP (atualizado às 16:17)