A polícia australiana anunciou esta segunda-feira que 14 crianças entre os 2 e os 17 anos foram resgatadas nas Filipinas das mãos de uma rede que comercializava material de exploração sexual infantil.

A operação de resgate coordenada entre as autoridades da Austrália e das Filipinas, que teve lugar a 7 de maio, resultou também na detenção de três mulheres e um homem na cidade de Bonbon, a cerca de 560 quilómetros de Manila, por alegadamente facilitarem o abuso de crianças 'online'.

A operação foi possível graças à detenção, em março, na Austrália, de um homem de 68 anos, a quem foi apreendido material de exploração sexual infantil, brinquedos sexuais e recibos de pagamentos no estrangeiro, de acordo com uma declaração da Polícia Federal australiana.

Desde fevereiro de 2019 que as autoridades filipinas, muitas vezes com assistência internacional, resgataram 368 menores em 119 operações contra a exploração sexual infantil.

As operações policiais resultaram ainda na detenção de 88 facilitadores e em 13 condenações, indicou, no mesmo comunicado.

/ JGR