Um homem, de 27 anos, lutou contra uma das cobras mais venenosas e mortíferas do mundo, enquanto conduzia numa estrada em Dawson, no estado de Queensland, na Austrália, a mais de 100 quilómetros por hora. 

Quanto mais mexia as pernas... ela começava a enrolar-se em mim. A cabeça dela começou a bater na cadeira [do condutor], entre as minhas pernas", disse Jimmy. 

Tratava-se de uma Cobra-Marrom (Pseudonaja textilis), como é popularmente conhecida. Jimmy usou o cinto de segurança e uma faca para a matar enquanto tentava parar o carro. 

Como pensava que tinha sido mordido, conduziu o mais rápido que conseguiu para o hospital mais próximo, com medo de poder morrer a qualquer instante, por causa do veneno. 

Foi nesta altura que foi mandado parar pela polícia, por estar em excesso de velocidade. Explicou que tinha uma cobra-marrom na bagageira do carro e que achava que tinha sido mordido. 

This slimy passenger would be sure to make any driver hysssssterical! 🐍😱

Publicado por Queensland Police Service em  Segunda-feira, 6 de julho de 2020

Assim que os agentes se aperceberam da presença do animal morto, ligaram de imediato para os serviços de emergência, para que Jimmy recebesse assistência médica o quanto antes. 

A Cobra-Marron tem uma mordidas mais rápidas e fatais, uma vez que o veneno pode provocar paralisias e sangramento no cérebro. 

Estes répteis são frequentemente encontrados na Austrália e na Nova Guiné. 

Cláudia Évora