Um homem de 40 anos e a mulher, de 37, foram mortos, na terça-feira da semana passada, por terem, alegadamente, transmitido covid-19 a uma família.

O casal e o filho - que ficou ferido - foram baleados, na cidade de Itumbiara, na região sul de Góias, Brasil. 

O suspeito disparou mais de 20 tiros e depois fugiu. Agiu como vingança, depois do pai e irmão terem morrido, no início do ano, com o vírus, que o suspeito acredita ter sido transmitido por esta família.

Agentes da polícia conseguiram localizá-lo horas mais tarde. 

As vítimas estavam a trabalhar quando o suspeito entrou e baleou o homem na cabeça, a mulher na cara e o filho, de 21 anos, na perna. Este último encontra-se a recuperar dos ferimentos. 

O grupo de investigação de Homicídios de Itumbiara anunciou que a família já tinha sido ameaçada por ter transmitido o vírus à familia do suspeito. 

Redação / IM