As temperaturas atingiram um novo recorde histórico na Bélgica, com os termómetros a marcarem 40,2 graus célsius em Liége, situada a 50 quilómetros a Leste de Bruxelas, divulgou hoje o Instituto Real de Meteorologia (IRM).

Após a validação dos resultados de ontem [quarta-feira] nas estações climatológicas do IRM: novo recorde nacional para a Bélgica, 40,2 graus em Angleur”, em Liége, a mais alta desde 1833, divulgou o instituto.

O recorde anterior, também registado na quarta-feira, era 39,9 graus, atingidos pelas 16:00 (15:00 de Lisboa) na base militar de Kleine-Brogel, no nordeste belga.

A Bélgica está sob alerta vermelho, que se prolonga pelo dia de hoje e sexta-feira e exclui apenas a costa, com a divulgação de medidas de prevenção da desidratação e da exposição solar.

Às 12:00 em Bruxelas (11:00 em Lisboa) estavam 34,2 graus à sombra, prevendo-se que as temperaturas na capital belga ultrapassem hoje o máximo de 35,7 graus célsius registados na véspera.

As temperaturas são registadas na Bélgica desde 1833, três anos depois da fundação do país.

As previsões apontam para um arrefecimento no fim de semana, com aguaceiros que poderão ser fortes.