Dilma diz que razões são “inconsistentes e improcedentes” 


"Não existe nenhum ato ilícito praticado por mim. Não paira contra mim nenhuma suspeita de desvio de dinheiro, não possuo conta no exterior, nem ocultei do conhecimento público bens pessoais".



Líder da oposição no Brasil pede prudência

 líder do principal partido da oposição brasileiro, Aécio Neves, pediu hoje prudência e um trâmite adequado ao pedido de impugnação de mandato da Presidente Dilma Rousseff, aceite hoje pelo Presidente da Câmara dos Deputados.

"O que existe neste momento é um sentimento entre todos nós de prudência para que este processo possa ter o seu trâmite adequado e que a própria Presidente da República possa ter a oportunidade de apresentar as suas justificativas", disse Aécio Neves, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), em declarações à imprensa, em Brasília.

Aécio Neves acrescentou que a aceitação do pedido é o início de um "novo momento no Brasil, da retomada da confiança, dos investimentos, do crescimento e do emprego", citado pela imprensa brasileira.
 
"Isso terá de ser feito sem o atual Governo".