Um pescador filmou o momento em que outro lançou explosivos a um grupo de leões marinhos no mar do pacífico na costa do Canadá. No vídeo, partilhado no Instagram, ouve-se um deles a rir enquanto os animais fogem, assustados e com medo.

As imagens foram fortemente criticadas nas redes sociais, com o pescador, Allan Mardsen, a receber várias ameaças, obrigando-o a dar uma justificação.

De acordo com o Vancouver Sun, o objetivo do homem era apenas fazer com que os animais se afastassem para poder pescar, uma vez que na presença dos leões marinhos é difícil a prática da pesca.

O homem assegurou àquele jornal que não tinha como objetivo provocar qualquer dano aos mamíferos.

O ato do pescador veio abrir uma discussão sobre a segurança dos animais e os perigos que várias espécies enfrentam com a prática da pesca.

Mardsen considera hipócrita o debate porque se podem assustar espécies perigosas em terra, mas não no mar.

Há três anos fui atacado por um leão marinho enquanto trabalhava. Tive sorte por não estar hoje numa cadeira de rodas, mas tenho marcas em todo o corpo”, explicou o homem.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by SeaLegacy #TurningTheTide (@sealegacy) on