Um rapaz de 7 anos morreu, no domingo à noite, após ter ficado preso entre a cabine do elevador e o espaço onde este se move. 

O incidente terá acontecido por volta das 19:00 horas numa casa alugada, onde a criança estava a passar férias, em Corolla, no estado norte-americano da Carolina do Norte.

Segundo o chefe dos bombeiros locais , Ralph Melton, quando os serviços de emergência chegaram ao local, o rapaz já não registava pulsação. Apesar de os socorristas terem conseguido libertar a criança do elevador, já não conseguiram ressuscitá-la.

A porta-voz do departamento do Trabalho da Carolina do Norte, Jennifer Haigwoo, declarou que, embora o seu departamento seja responsável pelas inspeções de elevadores em edifícios comerciais e públicos, não tem autorização para inspecionar elevadores em residências privadas.

Se um acidente acontecer num elevador numa residência privada ou em redor, não há qualquer exigência de nos comunicar esse acidente", explicou Jennifer Haigwood, citada pela agência de notícias Associated Press.

Por enquanto, não existem mais detalhes sobre a ocorrência.

/ IC