O número de mortes por Covid-19 em Espanha subiu para 12.418, uma subida de 674 vítimas mortais, em relação ao último balanço. Os dados apontam para uma estabilização da pandemia no país, uma vez que este é o crescimento mais baixo dos últimos nove dias.

O aumento de novos casos também aponta no sentido de uma estagnação do novo coronavírus em Espanha. O total de casos confirmados é agora de 130.759, mais 6.023 nas últimas 24 horas, o que reflete um aumento de 5% nos novos casos.

O dado mais preocupante continua a ser o número de doentes. Num total de 58.744 doentes hospitalizados, 6.861 estão em unidades de cuidados intensivos. A taxa de letalidade associada a Covid-19 ronda os 9,5%.

Espanha mantém-se, assim, como o segundo país com mais casos confirmados do novo coronavírus (apenas atrás dos Estados Unidos), sendo também o segundo no registo de óbitos (atrás de Itália).

Nas últimas 24 horas registaram-se 3.861 recuperações, o que resulta num total de 38.080 casos de doentes curados de Covid-19 em Espanha.

O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, anunciou este sábado o prolongamento do “estado de emergência” até à meia-noite de 25 de abril, para travar a pandemia Covid-19 numa altura em está “superado o pico” da pandemia.

António Guimarães