Macau registou um primeiro caso de um doente de Covid-19 que voltou a ser diagnosticado depois de ter sido dado como recuperado, foi anunciado esta segunda-feira.

Este doente, o 15.º caso da doença no território, recebeu alta hospitalar em 12 de abril e estava a cumprir 14 dias de convalescença em isolamento no centro clínico de saúde pública em Coloane, indicou o Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus, na conferência de imprensa diária.

Antes de sair do isolamento, foi sujeito ao teste de ácido nucleico no sábado e no domingo, com resultados positivos para o novo coronavírus (SARS-CoV-2).

Este paciente é um filipino de 31 anos, que esteve em Manila entre 28 de janeiro e 16 de março, tendo sido diagnosticado com Covid-19 em 18 de março.

Esta segunda-feira, ao 19.º dia sem novos casos do novo coronavírus, mais um doente teve alta hospitalar e foi transferido para o centro clínico de Coloane para uma convalescença de 14 dias em isolamento, adiantou o Centro.

Este doente, o 13.º caso de Covid-19 no território, é uma residente de Macau, de 20 anos, estudante no Reino Unido.

Macau registou 45 infetados desde o início do surto do novo coronavírus, em 22 de janeiro.

Após uma primeira vaga de dez casos em fevereiro, o território esteve 40 dias sem identificar qualquer infeção.

Contudo, a partir de 15 de março foram identificadas mais 35 pessoas infetadas, todos casos importados.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de Covid-19 já provocou mais de 206 mil mortos e infetou quase três milhões de pessoas em 193 países e territórios.

/ AG