Espanha ultrapassou esta quarta-feira um milhão de casos positivos de covid-19 desde o início da pandemia, com um total de 1.005.295, depois de registar 16.973 contágios nas últimas 24 horas, segundo os números divulgados pelo Ministério da Saúde.

As autoridades sanitárias também contabilizaram mais 156 mortes atribuídas à covid-19, passando o total de óbitos para 34.366.

A região de Madrid, a mais atingida desde o início da pandemia, tem mais 3.397 casos de contágio e um total de 286.527.

O agravar da situação levou o ministro espanhol da Saúde a admitir que o governo está a estudar a possibilidade de impor um recolhimento obrigatório.

O ministro também avisou que, "SE [A MEDIDA] FOR APLICADA, SERIA NECESSÁRIO SABER QUE GRUPOS [PARTIDÁRIOS] ESTARIAM DISPOSTOS A APOIÁ-LA NO CONGRESSO [PARLAMENTO], PARA TER UMA PERSPETIVA DE UM HORIZONTE [TEMPORAL] DE MAIS DE 15 DIAS", tendo insistido que é uma medida que "ESTÁ SOB AVALIAÇÃO E ESTUDO".

. / RL