Um camião com 39 cadáveres foi encontrado na madrugada desta quarta-feira em Essex, no sudeste do Reino Unido.

A polícia britânica foi chamada pelos serviços de emergência ao Parque Industrial de Waterglade, em Grays, pelas 1:40.

O condutor, um homem de 25 anos, natural da Irlanda do Norte, foi detido, como informou o porta-voz da polícia, Andrew Marines.

Detivemos o condutor do camião, que permanece sob a custódia da polícia enquanto o inquérito continua."

Há um adolescente entre os mortos. Marines afirmou que os agentes procuram agora identificar as vítimas, mas antecipa que este vai ser um "processo demorado".

Camião veio da Bélgica

Depois de inicialmente terem informado que o camião saiu da Bulgária e entrou no Reino Unido por Holyhead, uma cidade portuária no noroeste do País de Gales, durante a tarde as autoridades informaram que afinal o camião saiu do porto de Zeebrugge, na Bélgica, e chegou ao porto de Purfleet, no Reino Unido, cerca das 00:30 desta quarta-feira madrugada.

"Acreditamos que o camião e o contentor deixaram o porto antes das 1:05. O camionista, um homem de 25 anos oriundo da Irlanda do Norte, continua sob a custódia das autoridades e foi detido sob a suspeita de homicídio", afirmou a polícia.

O Parque Industrial de Waterglade foi fechado e foi estabelecido um perímetro de segurança no local.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, reagiu, no Twitter, afirmando que estava "chocado com o trágico incidente em Essex". Boris Johnson disse ainda que está a acompanhar o caso e que o governo está a trabalhar com a polícia de Essex para perceber exatamente o que aconteceu.