A Grécia volta a abrir-se ao turismo no dia 15 de junho, mas Portugal não consta na lista de países cujos cidadãos podem ir passar férias a território grego.

Depois de ter encerrado as fronteiras para combater a pandemia de Covid-19, o governo de Atenas divulgou a lista de países cujos cidadãos poderão entrar no país já a partir do dia 15. Mas Portugal ficou de fora. 

Outros países como o Reino Unido, França, Espanha e Itália, estes muitos afetados pela pandemia de Covid-19, também foram excluídos.

Os 29 países cujos cidadãos poderão viajar para a Grécia são os seguintes: Albânia, Austrália, Áustria, Macedónia do Norte, Bulgária, Alemanha, Dinamarca, Suíça, Estónia, Japão, Israel, China, Croácia, Chipre,  Letónia, Líbano, Lituânia, Malta, Montenegro, Roménia, Nova Zelândia, Noruega, Sérvia, Eslováquia, Eslovénia, República Checa e Finlândia. 

No entanto, esta lista poderá aumentar ainda a tempo das férias de verão. O executivo grego informou que esta medida será revista a 1 de julho e que, nessa altura, novos países poderão ser incluídos na lista. 

 

 

/ SS