Um menino de quatro anos morreu, este sábado de manhã, em Sevilha, Espanha, depois de ser atingido por um disparo, durante uma caçada, que se realizou numa quinta perto da localidade de Guillena.

O alerta foi dado pelas 11:30 (10:30 em Lisboa), através de uma chamada para o 112 da Andaluzia.

Para o local, foram acionados elementos da Empresa Pública de Emergências Sanitárias (EPES), da Guardia Civil e da Polícia Local. Chegou a ser acionado um helicóptero para transportar a criança, mas ela acabou por ser levada por populares que se encontravam na quinta para o centro de saúde de Burguillos, a 12 quilómetros do local.

De acordo com o jornal El Mundo, os médicos do Centro de Saúde tentaram reanimar a criança durante mais de duas horas, mas sem sucesso.

A Guardia Civil está a investigar o caso. Para já, não se conhecem as circunstâncias em que a criança foi atingida. O corpo do menino, que apresentava um único disparo, vai agora ser submetido a uma autópsia, que poderá ajudar a esclarecer o sucedido.