Um pai financeiramente desesperado matou cinco membros da sua família nos EUA, suicidando-se depois, informa a Lusa.

«As mortes ocorreram durante o último fim-de-semana, na luxuosa casa onde o homicida vivia com a mulher, a sogra e os três filhos», familiares que matou antes de se suicidar, disse Michel Moore, da polícia de Los Angeles.

Os nomes das pessoas envolvidas na tragédia não foram revelados, porém, sabe-se que o homem, de 45 anos, estava desempregado e que deixou duas cartas de suicídio. Os filhos tinham sete, 12 e 19 anos.
Redação / CP