O presidente venezuelano, Hugo Chávez, operado em Cuba, foi visitado esta sexta-feira pelo líder cubano Fidel Castro, e recebeu um telefonema de Dilma Rousseff, avança a agência «France Press».

«Fidel visitou Chávez em Havana esta tarde (...) Conversaram durante cerca de 2 horas e depois chegou Raúl (Castro)», escreveu o ministro Andrés Izarra no Twitter, além de publicar várias imagens de Chávez em Cuba, algumas ao lado do líder cubano e outras caminhando no hospital ao lado da equipa médica.

«Fidel e Raúl constataram a rápida recuperação do presidente Chávez», que durante a visita recebeu um telefonema da presidente Dilma Rousseff, revelou Izarra.

«Dilma mostrou-se muito contente pela rápida recuperação do presidente e transmitiu-lhe os cumprimentos de Lula», acrescentou Izarra.

Chávez, de 57 anos, foi submetido a uma nova cirurgia esta semana em Havana numa «lesão» (como ele chamou) que foi localizada na mesma região de onde, em Junho de 2011, foi retirado um cancro que o obrigou a realizar quimioterapia.

O presidente continua à frente do governo e não cedeu suas funções ao vice, Elías Jaua, como também não o fez em 2011.

Chávez, que governa desde 1999 e concorre a um terceiro mandato de seis anos nas eleições de outubro, tinha dado o cancro por superado em outubro, anunciando muitas vezes que estava fortalecido para as eleições de 7 de outubro, nas quais enfrentará o candidato único da oposição, o governador Henrique Capriles Radonski.