Um forte ciclone está esta terça-feira de madrugada a fustigar várias ilhas enquanto avança em direção à costa tropical do nordeste da Austrália, tendo já danificado telhados e levado ao corte da energia, informaram as autoridades.

O ciclone Debbie, de categoria 4 (na escala Saffir –Simpson - de 1 a 5), trouxe rajadas de vento de 250 quilómetros por hora e chuvas torrenciais nas ilhas Whitsunday, um popular destino turístico ao largo da costa do Estado de Queensland, a sudeste da cidade de Bowen, indica o centro australiano de meteorologia, citado pela agência de notícias norte-americana Associated Press.

Os meteorologistas esperam que o olho da tempestade atravesse esta terça-feira a zona costeira.

As autoridades australianas retiraram na segunda-feira milhares de pessoas, incluindo turistas, do nordeste do país, em antecipação à chegada do Debbie, que deverá ser o mais potente a afetar o país desde o Yasi, em 2011.

O ciclone Debbie está classificado na categoria 4 (numa escala em que a categoria 5 é a mais violenta), com ventos “com forte capacidade destrutiva”, indica o centro australiano de meteorologia.

A tempestade formou-se, ao longo dos últimos dias, ao largo do Estado de Queensland e chegou ao continente australiano esta terça-feira de madrugada.