Nove pessoas que praticavam paraquedismo morreram após a queda do avião em que estavam a bordo, na noite desta quinta-feira, próximo à cidade sueca de Orebro, a sul do país.

Entre os mortos estão o piloto e oito passageiros, disse a polícia. Uma das vítimas ainda foi transportada com vida para o hospital, mas acabou por não resistir aos ferimentos.

O porta-voz da Administração Marítima Sueca, Carl-Johan Linde, que supervisiona o tráfego aéreo, disse ao canal de televisão SVT que o acidente deve ter ocorrido durante a descolagem do avião, que ocorreu por volta das 19:00 locais (18:00 em Portugal Continental).

O grupo alugou a aeronave para praticar paraquedismo ao longo de toda a semana, segundo confirmaram as autoridades.

A Autoridade Sueca de Investigação de Acidentes deslocou uma equipa para o local do acidente para a região de Orebro, que fica 164 quilómetros a oeste de Estocolmo.

A polícia marcou para esta sexta-feira uma conferência de imprensa para dar mais informações sobre este acidente.

Redação / AG