O antigo arcebispo sul-africano e Prémio Nobel da Paz, Desmond Tutu, 86 anos, foi hoje hospitalizado na Cidade do Cabo, para ser submetido a exames médicos, anunciou a sua fundação.

"O arcebispo estava de bom humor quando foi admitido e espera ter alta em poucos dias", refere a fundação, num breve comunicado citado pela imprensa local.

Desmond Tutu, que comemora 87 anos no próximo dia 07 de outubro, têm manifestado abertamente a sua determinação em vencer um cancro na próstata que o aflige há cerca de duas décadas.

Em 2016, o líder espiritual sul-africano esteve hospitalizado por duas vezes, para tratamento de uma infeção recorrente.

Desmond Tutu, defensor dos direitos humanos e próximo de Nelson Mandela, o primeiro Presidente da África do Sul democrática, recebeu o Prémio Nobel da Paz em 1984, por se opor ao regime segregacionista do apartheid, abolido em 1994 naquele país africano.

Na semana passada, Desmond Tutu defendeu publicamente a legalização da morte assistida.

O antigo arcebispo tem sido ainda um apoiante de iniciativas para o tratamento da tuberculose, que o afetou em criança.