Donald Trump invocou uma lei do tempo da Guerra da Coreia para obrigar a General Motors a produzir ventiladores. 

De acordo com o decreto dos anos 50 do século passado, o presidente dos EUA pode forçar as empresas a produzirem produtos para defesa nacional. 

Trump alegou que o fabricante de automóveis estava "a perder tempo" e que era preciso salvar "vidas americanas". 

Os Estados Unidos já contam com mais de 100 mil casos de Covid-19, o número mais elevado em todo o mundo, e mais de 1700 mortes.

Inicialmente, Trump tinha dito que não seria necessário invocar qualquer decreto, uma vez que as empresas tinha decidido começar voluntariamente a converter operações para combater a propagação do novo coronavírus e garantir tratamento médico aos doentes. Mas, em comunicado divulgado na sexta-feira, sublinhou que a pandemia era "demasiado urgente" para permitir que a produção seguisse o seu curso. 

O presidente dos EUA também escreveu no Twitter que a General Motors tinha de abrir imediatamente "a estúpida fábrica abandonada em Lordstown, Ohio, ou outra qualquer, e começar a fazer ventiladores agora".

/ BC