A administração de Donald Trump vai deixar de avançar com processos criminais sobre pais que atravessem a fronteira de forma ilegal com os filhos. A situação deverá manter-se até as autoridades da imigração terem recursos para poderem manter as famílias em detenção, mas unidas.

Vamos suspender os processos a adultos que sejam membros de uma família até o ICE (Immigration and Customs Enforcement) ser capaz de conseguir recursos que nos permita mantê-los sob custódia”, disse uma fonte da administração norte-americana ao jornal The Washington Post.

De acordo com a mesma fonte, a polícia fronteiriça tem instruções para deixar de mandar pais acompanhados dos filhos para serem julgados em tribunais federais.

O volte face surge um dia depois de Donald Trump ter assinado uma ordem executiva que impedia as autoridades norte-americanas de separar crianças dos pais e familiares intercetados a atravessar a fronteira de forma ilegal.

Na quarta-feira, Trump foi claro ao sublinhar que esta ordem executiva não seria um recuo na política de tolerância zero em matéria de imigração e que as detenções não iriam parar.

Manuela Micael