"As consultas que mantive com todos os Estados-membros mostram boa vontade de todas as partes envolvidas, mais isso não altera o facto de algumas das propostas britânicas parecerem inaceitáveis", declarou Tusk, à entrada para a reunião do Conselho Europeu, em Bruxelas.




para que o Reino Unido permaneça na UE





Portugal estará representado pelo primeiro-ministro