Uma tempestade de areia, com cerca de 100 metros, atingiu, no domingo, a cidade de Dunhuang, no noroeste da China, pouco depois das 15 horas da tarde.

A nuvem espessa tornou o céu amarelo e reduziu a visibilidade a menos de 5 metros em algumas áreas. 

Devido a visibilidade reduzida, a polícia local teve de mandar encostar alguns motoristas e ajudar o trânsito a circular.

Mais de 400 voos dos dois principais aeroportos de Pequim, capital da China, também foram cancelados.

Não conseguia ver o sol. No início fui envolvido pelo pó amarelo da tempestade de areia, depois ficou vermelho e no fim ficou preto", contou um residente à imprensa local Jimu News.

 

Não há relatos de feridos, no entanto, a qualidade do ar na cidade continua a não estar boa.

Segundo a agência noticiosa China News Service, as tempestades de areia são comuns na região do deserto de Gobi na primavera, mas é raro acontecerem no verão.

/ IC