Emma Martens tem apenas sete anos e, há um mês, foi diagnosticada com um tumor cerebral raro e inoperável (Diffuse Intrinsic Pontine Glioma). Os médicos dão-lhe apenas nove meses de vida e os pais lutam agora por conseguir dar algum conforto à menina no tempo que lhe resta.

De acordo com a revista People, o diagnóstico chegou há um mês e o mundo da família Martens ficou virado ao contrário. Emma começou a ter dores de cabeça intensas e sintomas de gripe e, depois de vários dias sem melhorar, os pais levaram-na ao Hospital Pediátrico de Wisconsin, nos EUA. 

"Fomos vistos por uma equipa enorme e uma TAC mostrou que o tumor estava a bloquear o fluxo do fluído cerebroespinal, causando uma 'piscina' no topo do cérebro. Ela também tinha algum inchaço e foi levada de emergência para cirurgia para colocar um dreno", escreve a mãe, Tammy Mertens, na página da recolha de fundos que a família criou.

Depois de receber o diagnóstico, Emma foi submetida a várias operações e está agora a meio do tratamento de seis semanas de radioterapia diária. 

Perante este cenário, a menina tem recebido apoio da família e dos amigos mas, segundo os pais, o que realmente a conforta são os cães. Segundo o pai, Emma ilumina-se quando está com os animais e encontrou conforto nas visitas à terapia com cães e nos cães dos amigos.

Por isso, a família decidiu pedir a todos os que ouviram a sua história que enviem cartas de encorajamento para a menina para ajudar a tornar os seus dias mais alegres. 

A resposta tem sido positiva e, segundo os pais, a caixa de correio e de email de Emma rapidamente se encheu de cartas vindas de todos os estados dos EUA e de países como Holanda, Inglaterra, Austrália e Venezuela.

"As caixas de correio e de email estão completamente cheias com muitas fotografias que a fizeram rir ou sorrir. Obrigado a todos os que tentam colocar um sorriso na cara dela. Agradecemos o gesto", escreveu o pai, na quarta-feira.

Segundo o pai, Geoff Mertens, o facto do hospital ter autorizado que a filha saísse dos cuidados intensivos para casa, mostra que o processo está a correr bem e fá-los esquecer que ninguém sobreviveu a este tipo de tumor.

Caso queira enviar uma carta para Emma, estes são os endereços:

Emma Mertens
P.O. Box 230
Hartland, WI
53029
Email: emmalovesdogs7@gmail.com