Uma falha na rede elétrica deixou sem energia mais de 300 milhões de pessoas em maior parte do norte da Índia, afetando de forma especial Nova Deli. Este foi o apagão mais grave no país em mais de uma década.

Muitos milhares de pessoas foram afetadas na capital do país na tentativa de ir para o trabalho, com o metro e as redes ferroviárias paradas.

De acordo com o jornal «The Times of India», pelo menos 300 ligações ferroviárias foram severamente afetadas.

Nova Deli esteve completamente sem energia durante oito horas e ainda há zonas sem eletricidade, o que afetou também o abastecimento de água.

«Estou 45 minutos atrasado para o trabalho. Primeiro, sem eletricidade desde as duas da manhã, depois sem água para tomar banho e agora o metro está atrasado 13 minutos, depois de ter ficado preso do tráfego durante meia-hora», disse à Reuters Keshav Shah, de 32 horas, que trabalha para uma multinacional de software, a 30 quilómetros da cidade.

De acordo com o ministro da Energia, Sushilkumar Shinde, 60 por cento da rede está já a funcionar e pela tarde a eletricidade será completamente restabelecida. O governante disse que o corte foi provocado por um problema, que não explicou, em Agra, onde se encontra o famoso Taj Mahal.