O ex-espião russo que foi envenenado no Reino Unido está a melhorar rapidamente, segundo o hospital em que está internado.

"Ele está a responder bem ao tratamento, está a melhorar rapidamente e já não está em estado crítico", disse a responsável clínica do Hospital de Salisbury, Christine Blanshard.

Sergei Skripal, de 66 anos, foi envenenado, no dia 4 de março, em Salisbury. A sua filha, Yulia Skripal, também se encontra a recuperar e até já emitiu um comunicado, em que garantia estar "a ganhar força de dia para dia".

O Reino Unido assumiu de imediato que o agente químico utilizado era da Rússia, originando uma crise diplomática que levou à expulsão de mais de 150 diplomatas.

No entanto, até agora, não foram encontradas provas da origem deste veneno. Moscovo sempre negou qualquer envolvimento.