Cinco jogadores dos escoceses do Rangers foram suspensos por seis jogos por terem quebrado o protocolo estabelecido devido à Covi-19, tendo sido apanhados numa festa ilegal, em fevereiro.

Nathan Patterson, Bongani Zungu e Calvin Bassey, da equipa principal, e ainda Brian Kinnear e Dapo Mebude, da academia do clube, ficam impedidos de jogar quarto partidas, ficando com dois jogos de pena suspensa.

A situação aconteceu no dia 15 de fevereiro, quando os atletas foram apanhados numa festa ilegal que decorria numa casa em Glasgow.

O clube que se sagrou campeão escocês dez anos depois do último título já tinha anunciado ter aberto um inquérito interno aos jogadores envolvidos.