Os Estados Unidos registaram, na quinta-feira, 1.249 mortos devido à covid-19 e 67.943 casos, de acordo com a contagem independente da Universidade de Johns Hopkins.

Com este balanço, o país contabilizou 546.352 mortos e 30.072.022 infeções, desde o início da pandemia.

Os EUA são o país com mais mortes e mais contágios, devido à covid-19, seguidos pelo Brasil e pela Índia.

O Presidente norte-americano, Joe Biden, estimou que a doença venha a causar mais de 600 mil mortos no país.

Por seu lado, o Instituto de Métricas e Avaliações de Saúde da Universidade de Washington, em cujos modelos de projeção de evolução da pandemia a Casa Branca se baseia com frequência, previu cerca de 596 mil mortos no início de julho.

Na campanha de vacinação a decorrer no país, 87,3 milhões de pessoas (26,3% da população) já receberam pelo menos uma dose da vacina, incluindo 47,4 milhões (14,3%) que já estão completamente vacinados.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.745.337 mortos no mundo, resultantes de mais de 124,8 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

/ MJC